Notícias

voltar

Cooperativa

CAAL realiza treinamento periódico para trabalho em altura e em espaços confinados.

Publicada: 08/09/2020 - Fonte: Caal

Em qualquer atividade a segurança deve vir em primeiro lugar, seja em casa, no trânsito ou na empresa. A CAAL, com mais de 300 funcionários, diversas unidades de negócio e muitos fatores de risco envolvidos na operação de seus processos, o cuidado com a segurança no ambiente de trabalho é uma constante no dia a dia da cooperativa. Essa preocupação se transforma em fatos concretos através do Sesmt (Serviço de segurança e medicina do Trabalho) e as comissões internas de prevenção a acidentes (CIPAS) com pessoas eleitas pelos funcionários e outras indicadas pela diretoria, que são responsáveis pela orientação aos colegas e detecção de possíveis riscos no ambiente do trabalho.

Além do investimento em equipamentos de proteção individual (EPI), adequação das instalações e máquinas às normas legais, o treinamento é um instrumento que capacita e qualifica os funcionários para executarem de maneira adequada as suas atividades laborais.

O conhecimento e aplicação das Normas Regulamentadoras estipuladas pela Secretaria do Trabalho do Ministério da Economia exige seriedade das ações de uma empresa e precisam ser cumpridas sem margens para dúvidas ou erros. Acidentes provocados por queda de altura representam 40% da abertura de Comunicação de Acidente de Trabalho (CAT), conforme levantamento da Secretaria do Trabalho. Para mitigar a ocorrência de acidentes com trabalho em altura foi criada e é cobrada para as empresas que tenham atividade em altura a certificação para a norma NR 35.

Para quem precisa trabalhar em ambientes confinados a norma regulamentadora é a NR 33.

Especificamente, a NR 35 estabelece critérios mínimos e medidas de proteção para o trabalho em altura, como o planejamento, a organização e a execução com o intuito de garantir a segurança e a saúde dos trabalhadores. Considera-se trabalho em altura as atividades executadas acima de dois metros do nível inferior (chão), onde tenha sido identificado o risco de queda. Estas atividades podem ser realizadas em escadas, plataformas, andaimes, silos, elevadores, etc.

A NR33 é uma norma que regulamenta a segurança e saúde nos trabalhos em espaços confinados. Há muitos trabalhadores que atuam nesses tipos de serviços que são executados em locais de difícil acesso, com pouca ventilação e com risco de contaminação ou sufocamento.

Um dos requisitos destas duas NR é a aplicação de cursos específicos por parte da empresa para seus funcionários que executam estas atividades. Periodicamente deve ser realizado um treinamento de atualização para os trabalhadores que têm estas certificações. Para atender as normas e garantir a integridade física dos seus funcionários a CAAL realiza regulamente treinamento sobre a NR35 e NR33, pois somente profissionais com o devido treinamento podem exercer estes tipos de atividades nas instalações afins da cooperativa.

Agora, nos primeiros dias do mês de setembro, quem atualizou os funcionários da CAAL com a parte teórica e prática das duas normas foi o consultor especializado Igor Pinheiro, da Sol’SS Segurança Operacional – Saúde Ocupacional. Durante o treinamento Igor demonstrou os riscos inerentes às atividades e a necessidade constante de cumprir os procedimentos corretos e ter em mente que sempre a vida vem em primeiro lugar. Convém observar que, devido à pandemia da Covid-19, todos os protocolos sanitários recomendados pelas autoridades foram cumpridos.

voltar